ALGODÃO: Recuo comprador estabiliza preço

Nos últimos dias, compradores de algodão estiveram mais resistentes quanto aos preços, já que estão abastecidos. Nesse contexto, os preços estabilizaram. Entre 13 e 20 de junho, o Indicador CEPEA/ESALQ - 8 dias de pagamento - acumulou ligeira alta de 0,12%, fechando o período em R$ 1,3362/lp. No mês, a valorização é de 3,5%. No mercado de exportação, a liquidez foi menor na última semana. A média da paridade calculada pelo Cepea, FOB Paranaguá, foi de R$ 1,0610/lp no período, 0,57% maior que a da semana anterior (R$ 1,0550/lp), com base no Cot A. Segundo a Secex (Secretaria de Comércio Exterior), em maio, as exportações brasileiras de algodão em pluma totalizaram 5,9 mil toneladas, volume 60% inferior ao do mês anterior, mas 43% superior ao do mesmo período de 2005. No acumulado do ano, os embarques somam 112,1 mil toneladas, 68% maiores que os de 2005. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado