BOI: Novo foco de aftosa pressiona cotações

Os preços do boi gordo voltaram a cair nos últimos dias, pressionados principalmente pela intensificação do recuo comprador. Entre 19 e 26 de abril, o Indicador do boi gordo Esalq/BM&F registrou queda de 1,3%, fechando a R$ 50,16/arroba nessa quarta. O novo foco de aftosa, confirmado no dia 20 deste mês em Japorã (MS), influenciou bem mais o posicionamento de frigoríficos que de pecuaristas. Unidades processadoras argumentam ser necessário aumentar a cautela para novas aquisições de animais por causa da doença; nesse sentido, vários frigoríficos já chegaram a ficar fora de mercado por alguns dias. Mesmo com escalas relativamente curtas, frigoríficos de praticamente todas as regiões, sobretudo São Paulo e Mato Grosso do Sul, exerceram forte pressão nos últimos dias, conseguindo alguns recuos nos valores negociados. Pecuaristas, porém, questionam os reais motivos para tal pressão dos frigoríficos. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado