BOI: Pecuaristas iniciam 2005 com boas expectativas

Pecuaristas da maioria das regiões se animam com as chuvas do começo deste ano. Para muitos, o bom estado das pastagens representa maior flexibilidade sobre a determinação do momento de venda. Além disso, existe a expectativa de que os frigoríficos "normalizem" o volume de compras, já que a demanda de dezembro foi aquém da média dos meses anteriores especialmente em função das menores exportações de dezembro, retraídas pelos feriados de final de ano. Outro ponto positivo na análise dos produtores é a volta do frigorífico Margen ao mercado. O ano começa também com a boa notícia de que o exame para verificação de febre aftosa em alguns animais sul-mato-grossenes deu resultado negativo. Nesses primeiros dias do ano, contudo, muitos agentes estão apenas especulando, à espera de um mercado mais definido para efetivar negócios - esse comportamento é típico do período. Os preços também vêm se sustentando, favorecidos pela baixa oferta. Apesar de as escalas de abate estarem relativamente curtas, a demanda dos atacadistas por carne é o suficiente para sustentar as cotações. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado