BOI: Produtores têm resultados desfavoráveis este ano

Apenas alguns agentes mantêm a expectativa de melhores preços para essa "entressafra". A maioria, entretanto, não acredita em reação significativa das cotações em curto prazo e já se preocupa com a média das vendas a ser obtida no balanço do ano - informação imprescindível para a análise frente aos custos, ou melhor, de rentabilidade do negócio. De fato, quando efetuada uma análise geral dos valores negociados neste ano em relação ao ano anterior, tem-se resultados desfavoráveis aos produtores. No Estado de São Paulo, por exemplo, de janeiro a outubro, os custos totais aumentaram 8,6%, ao passo que o Indicador ESALQ/BM&F à vista, até o final de novembro, recuou 6,2% em termos reais (deflacionado pelo IGP-DI, base outubro). Nos últimos 11 meses, sem descontar a inflação, o aumento do Indicador foi de apenas 3,8%; o IGP-DI acumulado até outubro é de 10,6%. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado