BOI: Resistência compradora limita altas

A restrição de oferta continua justificando a continuidade dos aumentos, que ocorrem, até então, em pequena escala, visto que os frigoríficos se mantêm cautelosos no momento da compra, tentando evitar grandes reajustes. O Indicador do Boi Gordo Esalq/BMF fechou em R$ 61,83 nessa quarta-feira, 17, ligeira alta de 0,28% em relação ao dia anterior; no mês, o acumulado é de 1,81%. A maioria dos vendedores não se mostra disposta a negociar. Muitos chegam a usar como argumento a teórica situação em que a chuva permite manter o gado por mais tempo nas pastagens - contudo, sabe-se que o volume de animais a pasto prontos para abate é muito pequeno. Esse comportamento demonstra clara insatisfação com os preços atuais, bastante inferiores aos esperados para esta entressafra. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado