CAFÉ: Bolsa de NY impulsiona alta de R$ 8,00/sc

Nessa terça-feira, a Bolsa de Mercadorias de Nova York fechou em alta de 160 pontos nos contratos que vencem em setembro, impulsionada por boas compras de fundos e tradings. Com a valorização da bolsa, os preços subiram cerca de R$ 8,00/sc frente o dia anterior. O Indicador CEPEA/ESALQ do arábica fechou a R$ 208,17, nessa terça, alta de 3,25% sobre o dia anterior. Para o robusta (conillon), o aumento foi de 1,73% no mesmo período, com o grão encerrando a terça a R$ 130,11. Assim, um maior volume foi negociado naquela tarde, porém, a oferta continuou baixa, principalmente nas regiões produtoras de Minas Gerais, onde as chuvas prejudicaram as lavouras e os grãos estendidos nos terreiros. Segundo alguns agentes, o volume de chuvas neste começo de semana esteve de 16 a 20 mm no cerrado mineiro, prejudicando a secagem dos grãos. Além das precipitações, a falta de café fino para cumprir os embarques também tem preocupado vários exportadores. Mesmo assim, agentes do setor estão otimistas com a possibilidade de um maior volume de café de boa qualidade no mercado em meados de setembro. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado