CAFÉ: Previsão de chuvas ajuda a pressionar mercado

Há previsões de chuvas desta quarta-feira até sábado no Paraná, São Paulo e Minas Gerais, mas a distribuição dessas precipitações deve ser irregular. Em quase todas as regiões cafeeiras do País já foram observadas floradas uniformes nas lavouras com mais insumos e irrigadas. Contudo, os pés com menos tratos culturais e mais prejudicados com a estiagem ainda estão desfolhados e necessitam das precipitações para uma maior vitalidade para o brotamento das flores. Com a previsão de chuvas nos próximos dias no Brasil, a Bolsa de Mercadorias de Nova York esteve fortemente pressionada e caiu 490 pontos nos contratos para dezembro. Além disso, alguns fundos investidores estiveram realizando lucros dos ganhos da última tarde. O Indicador CEPEA/ESALQ do arábica fechou a R$ 230,04, nessa terça, queda de 6,75% em relação ao dia anterior. O robusta (conillon) recuou 0,98%, com o grão encerrando a terça a R$ 144,18. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado