CITROS: Tahiti começa a valorizar

O preço do limão "tahiti" pode começar a subir daqui para frente. Citricultores alegam que o volume da fruta está começando a diminuir nos pomares. Alguns apostam em escassez do produto no segundo semestre, já que as floradas ocorridas em março foram abortadas com a abundância de chuvas. Espera-se que novas flores brotem com o clima mais seco e ameno do outono. Na última semana, a média do tahiti foi de R$ 2,18/cx de 27 kg (colhido), alta de 1% frente ao período anterior. Já no mercado interno de laranja de mesa, as negociações seguem lentas, e os valores da fruta continuam caindo. A pêra desvalorizou 4,5% frente à semana anterior, cotada a R$ 14,11/cx de 40,8 kg (árvore) na média parcial da última semana. As cotações devem ficar pressionadas com a intensificação da colheita de outras variedades, como as precoces hamlin e westin. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado