FRANGO: Exportação sustenta cotações internas

O bom desempenho das exportações tem contribuído para sustentar as cotações internas do frango nesta terceira semana do mês - período em que normalmente os preços tenderiam a cair (menor poder aquisitivo do consumidor). Os preços do congelado destinado às vendas externas mostram uma valorização de até 5%, em relação ao mesmo período do mês passado. O produto resfriado obteve altas de 6%, e o frango vivo de corte valorizou 17%. O que ameaça o cenário altista, no curto prazo, são as baixas nos preços das carnes concorrentes, principalmente da bovina. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado