FRANGO: Relação frango vivo/farelo piora 17% em julho

Cepea, 28 - No acumulado deste mês, a relação de troca de frango vivo por farelo de soja piorou 14% para o avicultor, no estado de São Paulo. No início de julho, com um quilo de frango era possível adquirir 2,23 quilos do insumo. Já hoje, com a mesma quantidade de frango ele obtém 1,83 quilos de farelo. Para o milho, a perda chega também a 14%. No dia 3 de julho, com a venda de um quilo de frango vivo no estado de São Paulo, ele conseguia adquirir 3,71 quilos de milho. Nessa sexta-feira, 28, a mesma troca rende apenas 3,19 quilos de milho. A diminuição do poder de compra do avicultor é atribuída à forte queda do frango vivo neste mês (16,4%) no interior de São Paulo, enquanto o milho recuou apenas 3,6% e o farelo de soja aumentou 1,3% em Campinas (SP). Para a carne de frango, o movimento também é de forte baixa, em decorrência da maior oferta, reflexo dos embargos anunciados por diversos países com a confirmação de um foco de Newcastle no Rio Grande do Sul, no início de julho. No atacado de Porto Alegre (RS), o frango congelado acumula baixa de 12% e o resfriado, de 3%, no mês. Em São Paulo, as baixas foram de 7,8% e 8%, também no mercado atacadista.
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado