MANDIOCA/CEPEA: Indústrias sinalizam interesse em aumentar processamento

Cepea, 25/5/2020 – A demanda industrial por mandioca passou a dar sinais de melhora nos últimos dias, após as expressivas reduções nos meses de março e abril. Na indústria de farinha, especificamente, o aumento da procura é resultado da melhora na comercialização, enquanto nas fecularias, esse movimento está atrelado à estratégia de formação de estoques, por conta de uma expectativa de retomada das vendas. Segundo colaboradores do Cepea, ainda não se observou nenhum tipo de disputa pela matéria-prima entre as firmas, mas o fato de algumas se abastecerem em áreas mais distantes é um sinal de interesse na retomada do processamento. De 18 a 22 de maio, o Cepea estima que a quantidade de raízes processadas pelas fecularias tenha sido de 37,9 mil toneladas, 4,7% abaixo do que se apurou na semana anterior. A ociosidade pouco se alterou na indústria de fécula, ficando com média semanal de 56,4% da capacidade instalada. Quanto aos preços da raiz, voltaram a subir na maioria das regiões acompanhadas pelo Cepea, visto que a oferta permaneceu abaixo das expectativas de agricultores – foram baixos os volumes de chuvas na maioria das regiões acompanhadas pelo Cepea ao longo da última semana, o que limitou o avanço dos trabalhos no campo. Assim, a média nominal a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia, subiu 0,8% entre as duas últimas semanas, para R$ 313,23 (R$ 0,5447 por grama de amido) entre 18 e 22 de maio. Fonte: Cepea – www.cepea.esalq.usp.br

 

voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado