MILHO: Colheita avança, mas negócios continuam lentos

Na última semana, as cotações do milho continuaram em queda, em decorrência do avanço da colheita da safrinha e da redução dos embarques no porto de Paranaguá. Nas próximas semanas, o principal Estado produtor de milho safrinha, Paraná, deve ter pelo menos 3/4 de sua produção colhida, de acordo com o Deral/Seab. Apesar do avanço da colheita, os negócios entre agentes estão lentos, devido à queda das cotações tanto no mercado interno quanto no externo, nas ultimas semanas. O grão, em Paranaguá, foi negociado a R$ x/sc, nessa segunda-feira. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado