MILHO: Estocar não foi bom negócio

A rentabilidade da safra de verão no Brasil mantém-se negativa este ano. Na região paranaense de Cascavel, por exemplo, o produtor que armazenou o grão em março teria obtido, se tivesse optado por comercializá-lo naquela época, valores 21,93% maiores que os praticados nesta semana de novembro. A estocagem do milho (de março a novembro) foi rentável em três dos últimos cinco anos-safra (1998/1999 a 2002/2003). Na safra passada (2002/03), estocar também não foi vantajoso. Apesar disso, muitos produtores optaram por aumentar estoques neste ano, estratégia possível por estarem mais capitalizados. Já para 2005, o comportamento deve ser diferente, mesmo porque se esperam preços menores do que os observados nos últimos dois anos. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado