MILHO: Perspectiva positiva para o setor

A demanda crescente por milho, sobretudo nos Estados Unidos para a produção de etanol, anima o setor para 2007. Em dezembro, o milho foi cotado acima de US$ 140,00/tonelada na Bolsa de Chicago (CBOT), o maior patamar desde agosto de 1996. Esse valor é 82,13% superior à média de dezembro de 2005. Essa forte alta do grão é atribuída ao aumento de demanda gerado por dois fatores principais: produção de etanol nos EUA e uso de milho em algumas regiões da Europa para suprir a quebra da safra mundial de trigo - que deve diminuir de 619,72 para 588,56 milhões de toneladas, segundo relatório do USDA de dezembro. No Brasil, a expectativa é de aumento na produção de milho, da ordem de 5,7% na safra de verão e de 0,6% na safrinha. Na safra de verão, a produção cresce pela recuperação da produtividade, pois a área plantada reduziu 1,5% de acordo com levantamento de safras da Conab de dezembro. A maior produtividade esperada se fundamenta nas condições climáticas, que têm sido favoráveis. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado