MILHO: Vender no Brasil ainda é mais vantajoso

Em outubro, o Brasil exportou o menor volume de milho do ano: 116,5 mil toneladas, segundo a Secex. As vendas externas foram desestimuladas pelos baixos preços internacionais e pela valorização do Real frente ao dólar, o que torna o produto brasileiro menos competitivo. Como os preços internos (balcão e lote) não absorveram integralmente a queda da bolsa norte-americana (CBOT), vender no Brasil, ao invés de exportar, continuou sendo mais vantajoso ao produtor. Isso não significa, contudo, que as cotações internas estejam em alta. Os valores seguem pressionados negativamente pela disponibilidade da oferta. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado