SOJA: Produtores começam renegociar dívidas

Nas últimas semanas, produtores rurais começaram a renegociar as dívidas junto a instituições financeiras oficiais. Enquanto isso, as atenções se voltam às oscilações dos contratos da Bolsa de Chicago (CBOT) e ao câmbio. O contrato futuro para março na CBOT fechou a 5,77 dólares por bushel nessa sexta-feira, 24, queda de 3,99% frente à sexta-feira anterior. O recuo da cotação do contrato futuro na CBOT deve-se às chuvas registradas na Argentina e no Brasil. Além disso, o medo da gripe aviária pelo mundo também pressiona os preços na CBOT, uma vez que o farelo de soja compõe, em média, 20% da ração para aves. A taxa de câmbio, na sexta-feira passada, estava a R$ 2,1250/US$. Nessa sexta, a moeda americana teve cotação de R$ 2,14/US$, valorização de 0,7% no período. No mercado interno, o Indicador CEPEA/ESALQ recuou 1,46% entre 17 e 24 de fevereiro, fechando em R$ 26,92/saca de 60 kg na sexta. No mês, a desvalorização foi de quase 5%. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado