SUÍNOS: Preços caem mais de 28%

A oferta excedente ainda preocupa o mercado suínicola, principalmente porque o consumo interno segue lento. No acumulado de janeiro (até o dia 26), o preço do suíno vivo caiu 28,6% em Campinas (SP). O setor aposta que o fim do embargo russo está perto. A abertura daquele mercado é muito importante para o setor, já que ele absorve cerca de 60% de toda a carne suína exportada pelo Brasil. Desde que a Rússia fechou as portas ao produto brasileiro, em outubro, a situação do mercado ficou ainda mais complicada. Com as exportações perdendo ritmo e o consumo interno bastante lento, os preços caíram com força. (Cepea)
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado