Metodologia Soja CEPEA/ESALQ - Paraná

Especificação do produto: soja em grão a granel, tipo exportação, conforme padrão Concex: até 14% de umidade, até 2% de impurezas, e limites máximos de 8% para grãos avariados (até 5% de ardidos) e 30% de grãos quebrados;
Unidade de medida: saca de 60kg (R$/sc);
Entrega: Indicador se refere a negócios no mercado de lotes (entre empresas); a retirar na empresa/armazém de venda;
Região de referência: Estado do Paraná, dividido em cinco regiões: Paranaguá, Ponta Grossa, Norte,Oeste e Sudoeste;
Base de Ponderação das regiões:

O percentual de participação de cada região é determinado pela sua capacidade instalada de esmagamento segundo informações da Abiove (1997): 

Porto de Paranaguá (19,13)
Ponta Grossa (25,49)
Norte (34,72)
Oeste (9,73) 
Sudoeste (10,93)

Em caso de não existirem preços em certa região, esta localidade não será considerada e sua participação será distribuída proporcionalmente entre as demais para cálculo do Indicador.

Taxa de desconto dos valores a prazo: NPR (Nota Promissória Rural);
Impostos considerados: Sem ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços);
Periodicidade: diária;
Histórico disponível: desde agosto de 1997;
Agentes consultados na pesquisa: vendedores (cooperativas/empresas), compradores, corretores e comerciantes;
Importante: Indicador se refere a negociações no mercado físico de lotes (entre empresas).

 

Fonte: Cepea

Contato

Equipe

Equipe

Coordenador:
Geraldo Sant'Ana de Camargo Barros, Ph.D
Professor sênior Depto. de Economia, Administração e Sociologia Esalq/USP

 

Pesquisador responsável:
Lucilio Rogerio Alves, Dr.
Professor do Depto de Economia, Administração e Sociologia
lralves@usp.br

 

Equipe de apoio:

André Sanches
Débora Kelen Pereira da Silva
Ketlyn Accorsi
Isabela Rossi
Beatriz Massola
Isabella Garcia

Laís Rasera Ferreira

Séries de Preços