CEPEA: Não tratamento da ferrugem asiática na soja pode elevar preço do óleo ao consumidor em 10,6%

Clique aqui e baixe o release completo em word.

 

Cepea, 10/07/2019 – O não tratamento da ferrugem asiática pode resultar em queda de 30% na produção da oleaginosa. Essa redução na oferta, por sua vez, pode causar uma elevação nos preços da soja em grão de aproximadamente 22,9% e os valores do óleo de soja ao consumidor responderiam com aumento de 10,6%. 

 

Esses são resultados da última parte do trabalho realizado pelo Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, em parceria com a Andef (Associação Nacional de Defesa Vegetal), que mensurou os impactos econômicos da incidência de pragas e doenças nas culturas de soja, milho e algodão (veja aqui as Partes 1 e 2).

 

No caso do leite, segundo produto mais sensível a choques nos preços da soja, os valores ao consumidor poderiam subir até 4%; os da margarina, 3,1%; os do frango, 2,8%; os dos ovos, 2,6%; os da carne suína, 1,4%, e os da carne bovina, de 1,1%.  

 

Esses dados evidenciam que a ausência de controle das pragas e doenças nos cultivos agrícolas teria como impacto direto o comprometimento das safras. Consequentemente, efeitos seriam observados sobre o abastecimento interno e sobre os preços dos produtos agrícolas e de seus derivados. Preços de produtos de origem animal, cuja ração também pode conter a soja, igualmente sentiriam impactos. 

 

Nesse sentido, os aumentos dos preços da matéria-prima seriam repassados aos produtos finais no varejo, como carnes, farinhas, óleos vegetais, etc., afetando toda a população, especialmente a camada mais pobre. A transmissão do aumento de preços a esses produtos finais é contabilizada nos índices de inflação. O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) é o índice oficial de inflação do Governo Federal. 

 

 

Outras informações sobre o Estudo Especial sobre Mensuração econômica da incidência de pragas e doenças no Brasil aqui e por meio da Comunicação Cepea, com os professores Geraldo Barros e Silvia Miranda: (19) 3429-8836 / 8837 e cepea@usp.br.

19/09/2008 - PIB AGRO MG: Agronegócio mineiro cresce quase 10% no primeiro semestre - 16/09/2008 - MILHO: Indicador do Cepea passa a liquidar contrato futuro do milho - 02/09/2008 - LEITE: Preço médio do leite é 7% menor que o de 1 ano atrás - 21/08/2008 - AGRONEGÓCIO: Commodities em alta de novo? - 21/08/2008 - CUSTOS BOI: Análise abril/08
  • Novos caminhos na análise de rentabilidade
  • Criar bezerros dá maior retorno ao pecuarista
  • Preços dos insumos seguem em disparada
  • Alta dos custos persiste e bate novo recorde - 14/08/2008 - AGRONEGÓCIO: O produtor pode ter caído mais uma vez na armadilha dos ciclos de mercado - 05/08/2008 - CUSTOS SOJA: Segundo trimestre de 2008
  • Preço do adubo quase dobra frente ao da safra 07/08
  • Quanto custa produzir soja no BR, AR e EUA? - 05/08/2008 - CUSTOS MILHO: Segundo trimestre de 2008
  • A melhor opção em Londrina é o milho; em Cascavel, trigo
  • Preços externos do milho podem sustentar internos - 05/08/2008 - PIB AGRO MG: Agronegócio da pecuária cresce de forma equilibrada, mas agricultura não segue mesma dinâmica - 31/07/2008 - LEITE: Derivados forçam queda ao produtor em plena entressafra - 17/07/2008 - PIB: Análise do PIB Agro em abr/07 - 15/07/2008 - CUSTOS BOI: Produzir um boi no Brasil nunca esteve tão caro - 11/07/2008 - MACRO: Exportações do agronegócio do Brasil e das suas macro-regiões - 10/07/2008 - PIB AGRO MG: Ritmo de expansão da agricultura diminui em abril enquanto da pecuária aumenta - 10/07/2008 - MANDIOCA: Produção de fécula diminui em 2007, mas receita aumenta -
  • voltar
    Preencha o formulário para realizar o download
    x
    Deseja receber informações do Cepea?

    Digite este código no campo ao lado