HF BRASIL/CEPEA: Há desafios, mas Ceasas precisam ser modernizadas

Clique aqui e baixe release completo em word.

 

Cepea, 14/08/2018 – O baixo interesse governamental, a gestão ineficiente e a infraestrutura ultrapassada são três grandes entraves enfrentados pelas centrais de distribuição de frutas e hortaliças no Brasil, as Ceasas. Essas limitações foram indicadas por agentes de mercado e técnicos do setor consultados pela Equipe da Revista Hortifruti Brasil, publicação do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP. O resultado desse contexto é alto custo e baixa qualidade do serviço nas Centrais de Abastecimento.

 

No geral, a percepção pelos depoimentos da pesquisa é que o abastecimento das frutas e hortaliças tem que ter uma participação ainda atuante do estado, mas em questões nacionais, como regulação e fiscalização da segurança do alimento. “O estado tem que ter um papel mais atuante na definição e condução de políticas nacionais de abastecimento. No entanto, é latente que, na questão de infraestrutura e, principalmente, na gestão, o papel da iniciativa privada (no geral) ou misto – descentralizado e autônomo – se torna necessário para dar mais efetividade a ações de modernização das Centrais”, sugere o estudo realizado pelos pesquisadores da publicação do Cepea.

 

Principais entraves e alternativas para a modernização das Ceasas no País:

Problemas

Soluções

Falta de coordenação central efetiva para promover/regular/fiscalizar o abastecimento das Centrais atacadistas

Independente do modelo de gestão a ser adotado para cada Ceasa, são urgentes novas medidas nacionais de qualidade e de segurança alimentar. Além da necessidade de ter uma política própria em prol da segurança e qualidade do alimento.

Modelo de gestão ineficiente

Os desafios são comuns, mas não há um modelo único de gestão que funcione para todas as Ceasas. Por isso, cada unidade poderia ter autonomia de adaptar sua administração conforme suas necessidades e recursos disponíveis. Um exemplo disso é a Ceasa de Campinas (SP), em que a gestão é municipal e tem apresentado resultados positivos.

Infraestrutura ultrapassada

É importante desenvolver uma infraestrutura inovadora e ágil, que facilite a logística interna e a distribuição dos produtos nos boxes.

 

Clique aqui para acessar a revista completa!

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA: Outras informações sobre as pesquisas do Cepea a respeito do mercado de hortifrutícolas aqui e por meio do Laboratório de Informação do Cepea com a pesquisadora Margarete Boteon: (19) 3429-8836 / 8837 ou cepea@usp.br  

voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado