O Boletim do Leite de janeiro está disponível no site!

Cepea, 18/01/2021 - Nesta edição, confira:

 
Baixa oferta deve manter acirrada disputa por matéria-prima
A disponibilidade de matéria-prima deve permanecer limitada em 2021, especialmente no primeiro trimestre do ano, com volumes de leite abaixo da média registrada para o mesmo período de 2020. Esse cenário se deve ao clima desfavorável no ano passado (tempo seco e temperaturas elevadas, que prejudicaram as pastagens) e ao aumento contínuo nos custos de produção (os valores dos dois principais componentes da ração, o milho e o farelo de soja, atingiram patamares recordes). Leia mais. 
 

Demanda desaquecida pressiona cotações de derivados
As negociações dos derivados lácteos encerraram 2020 enfraquecidas. Segundo a pesquisa diária do Cepea, realizada com o apoio financeiro da OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras), os preços de derivados lácteos comercializados entre indústrias e atacado do estado de São Paulo iniciaram o mês de dezembro de 2020 em alta, mas houve desaceleração da demanda por lácteos, refletindo em aumento dos estoques e em consequente queda nos preços a partir da segunda quinzena daquele mês. Leia mais.  


Déficit na balança comercial fecha 2020 com aumento de 20,4%
A balança comercial de lácteos fechou 2020 com déficit anual de 142 mil toneladas, alta de 20,4% frente ao de 2019 e o segundo maior déficit da última década – o maior, de 189 mil toneladas (gráfico 1), foi registrado em 2016. Este resultado se deve ao aumento de 22,4% nas importações de derivados lácteos em comparação com o ano anterior, totalizando 174 mil toneladas. Leia mais. 
 

Concentrados são o principal fator de aumento dos custos em 2020
O Custo Operacional Efetivo (COE) da pecuária leiteira registrou aumento de 1,13% em dezembro de 2020 na “média Brasil” (BA, GO, MG, PR, RS, SC e SP). No acumulado do ano, a alta, nos principais estados produtores foi de 23,24%. O fator que mais influenciou a elevação dos custos foi a valorização das rações e concentrados e dos suplementos minerais. No acumulado de 2020, o aumento nos preços deste grupo de insumos foi de 44,13% na “média Brasil”. Os suplementos minerais, insumo indispensável para nutrição dos rebanhos, também se valorizaram em dezembro, registrando aumento de 1,19% no mês e de 13,24% no acumulado do ano. Leia mais. 

24/08/2020 - GRÃOS/CEPEA: Mercado spot de soja supera R$ 130/sc no porto; produtor negocia oleaginosa que será colhida em 2022 - 19/08/2020 - O Boletim do Leite de agosto já está disponível em nosso site! - 17/08/2020 - HF BRASIL/CEPEA: Novos hábitos de consumo de HF adquiridos na quarentena podem continuar no pós-pandemia - 12/08/2020 - ARROZ/CEPEA: Indicador atinge a casa dos R$ 73/sc, recorde real da série do Cepea - 11/08/2020 - ESPECIAL/CEPEA: Em meio à pandemia, auxílio emergencial aumenta a renda e reduz a pobreza no Brasil rural - 07/08/2020 - O Boletim do Suíno de julho está disponível em nosso site! - 07/08/2020 - MERCADO DE TRABALHO/CEPEA: Após forte efeito negativo em maio, impactos da covid-19 sobre população ocupada na agropecuária se estabilizam em junho - 06/08/2020 - PIB-Agro/CEPEA: PIB agro segue em alta em maio e crescimento no ano é de 4,62% - 05/08/2020 - Estão disponíveis as agromensais de julho/2020 - 04/08/2020 - Está disponível no site do Cepea o relatório de Custos de Produção de Pecuária - 29/07/2020 - LEITE/CEPEA: Preço ao produtor sobe 16% em julho e atinge recorde para o mês - 24/07/2020 - IPPA/CEPEA: Covid-19 gera efeito altista nos preços agropecuários e IPPA/Cepea sobe 14,2% no 1º semestre - 24/07/2020 - OVOS/CEPEA: Instituto Ovos Brasil e Cepea retomam parceria - 24/07/2020 - SUÍNOS/CEPEA: Preços do vivo disparam; em SC, valor médio atinge recorde real - 20/07/2020 - EXPORT/CEPEA: Volume em alta e câmbio desvalorizado garantem faturamento recorde no 1º semestre -
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado