PIB AGRO SP/CEPEA: PIB do agronegócio paulista recua 5,73% em 2018

Clique aqui e baixe o release completo em word.

 

Cepea, 10/04/2019 – O PIB do agronegócio do estado de São Paulo recuou 5,73% em 2018, segundo dados do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP. Pesquisadores do Cepea indicam que essa baixa esteve relacionada aos resultados negativos observados tanto no ramo agrícola quanto no pecuário, que registraram respectivas quedas de 5,68% e 5,97%.

 

Pela ótica dos segmentos, apenas o de insumos apresentou crescimento em 2018, de 7,7% – os demais apresentaram reduções: de 11% para o primário, de 5,6% para a agroindústria e de 6,3% para os agrosserviços. No caso de insumos, pesquisadores destacam que o segmento foi impulsionado sobretudo pelas atividades de fertilizantes, máquinas e equipamentos e de alimentação animal e sais minerais.

 

No caso da queda dos ramos, pesquisadores do Cepea indicam que as principais pressões sobre o desempenho da agricultura paulista decorreram das quedas para a cana-de-açúcar e a laranja, tanto em preços quanto em produção. Por outro lado, os maiores faturamentos para algodão, milho e soja atuaram em direção contrária, limitando a retração do PIB do segmento em 2018. No caso do ramo pecuário, a queda se deve aos preços baixos no segmento primário e na agroindústria, resultado sobretudo da demanda interna ainda enfraquecida em 2018. 

 

Em 2018, o ramo agrícola manteve-se predominante no estado de São Paulo, com participação de 82%, enquanto o pecuário foi responsável por 18%. No geral, o perfil do agronegócio paulista segue marcado pela forte presença dos elos industriais e de serviços e pelas atividades de base vegetal. 

 

                                                                                           

 

ASSESSORIA DE IMPRENSA: Outras informações sobre o PIB São Paulo aqui e por meio da Comunicação Cepea, com o prof. Geraldo Barros e os pesquisadores Nicole Rennó e Leandro Gilio: (19) 3429-8836 / 8837 e cepea@usp.br.

15/01/2020 - ALGODÃO/PERSPEC 2020: Alto volume excedente exige mais um ano de exportação elevada - 15/01/2020 - ARROZ/PERSPEC 2020: Menor disponibilidade interna desde 1984/85 deve sustentar preços - 15/01/2020 - TRIGO/PERSPEC 2020: Câmbio alto e menor oferta interna podem sustentar preços em 2020 - 14/01/2020 - LEITE/PERSPEC 2020: Oferta limitada deve sustentar preços ao produtor no curto prazo - 14/01/2020 - CITROS/PERSPEC 2020: Baixa produção em 2020/21 pode manter preços firmes - 14/01/2020 - INSUMOS PECUÁRIOS/PERSPEC 2020: Alta do boi no final de 2019 gera otimismo para 2020 - 14/01/2020 - SOJA/PERSPEC 2020: Nova safra recorde deve exigir demandas interna e externa aquecidas em 2020 - 14/01/2020 - MILHO/PERSPEC 2020: Menores estoques devem sustentar preços em 2020 - 13/01/2020 - OVINOS/PERSPEC 2020: Preços devem seguir próximos aos verificados em 2019 - 13/01/2020 - BOI/PERSPEC 2020: Oferta restrita e demanda firme podem seguir sustentando preços em 2020 - 13/01/2020 - SUÍNOS/PERSPEC 2020: Perspectiva é de que bom cenário de 2019 se repita em 2020 - 13/01/2020 - FRANGO/PERSPEC 2020: Demandas interna e externa aquecidas devem manter preços firmes em 2020 - 13/01/2020 - OVOS/PERSPEC 2020: Preços das carnes devem determinar ritmo de comercialização de ovos em 2020 - 12/01/2020 - CAFÉ/PERSPEC 2020: Possível menor oferta em 2020 pode manter preços firmes - 12/01/2020 - AÇÚCAR/PERSPEC 2020: Produção mundial pode se retrair, após duas temporadas de superávit -
voltar
Preencha o formulário para realizar o download
x
Deseja receber informações do Cepea?

Digite este código no campo ao lado